Buscar

De empresas para clientes



Empresas que desenvolvem ou adotam o sistema de serviços sob demanda, oferecem aos seus clientes serviços personalizados, práticos, rápidos e fáceis de adquirir. A concepção de uma atividade por encomenda se baseia na premissa de cumprir exatamente o que o cliente deseja, independente da hora ou do lugar em que ele se encontra.

Além das plataformas de vídeo on demand (Net Now e Netflix) anteriormente citadas, outras têm se destacado no mercado B2C:

Spotify: É uma plataforma de música sob demanda que permite ao usuário acessar e ouvir músicas à vontade, conectado à uma rede de internet ou off-line (nos casos das contas pagas). A plataforma oferece listas de músicas de acordo com os gostos do consumidor e permite, ainda, que ele crie as próprias listas e se conecte às listas de outros usuários. Ifood: Através da localização do usuário são apresentados restaurantes cadastrados na plataforma que oferecem sistema de entregas. O cliente pode escolher o restaurante através diferentes categorias como tipo de prato, distância e preço. As preferências e o histórico do cliente ficam registrados para compras posteriores. Cabify: Ainda que possua um sistema muito parecido com o concorrente Uber – o cliente solicita um carro quando e onde desejar, por um preço apresentado antes da corrida – a Cabify possui diferenciais na personalização do atendimento. Dentro da plataforma do serviço é possível escolher se deseja que o motorista abra a porta do carro para o cliente, entre em contato ao chegar no ponto de encontro, deixe ou não o ar-condicionado ligado e, até mesmo, qual estação de rádio se deseja ouvir durante o percurso.

Tendências

Para que as empresas obtenham sucesso e acompanhem as necessidades do mercado consumidor é necessário que elas entendam esse mercado de três maneiras diferentes:

1. Por meio de uma visualização ampla, com o intuito de observar tendências do segmento e da própria marca, com atenção ao que o consumidor pensa e fala.

2. Através ferramentas com capacidade de agrupar informações sobre cada contato do consumidor com a marca, a fim de integrar diferentes setores.

3. Mediante um atendimento completamente personalizado, com o objetivo de servir e satisfazer o consumidor em qualquer esfera.

As tendências sugerem que o consumo passará a ser cada vez mais integrado entre ambientes físico e virtual. Parte das tecnologias que são facilitadoras desse processo são conhecidas e acessíveis, como, por exemplo, a NFC – uma tecnologia que possibilita a transferência de dados sem fio e de uma maneira segura.

A partir de tecnologias como essa a personalização dos serviços se torna muito mais eficaz. Com um investimento voltado para a captação de dados e perfis de clientes, as empresas se adaptarão a essa nova realidade e conquistarão os consumidores perfeitos para seus produtos.

Leia mais em: SEBRAE



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Hepatites

Alergia